Quanto cobrar pelas aulas de idiomas?

Image for post
Image for post

Ontem postei uma enquete nos stories para saber se vocês tinham projetos que gostariam de tirar do papel e quais perguntas vocês gostariam de fazer sobre o tema. E, mais uma vez, apareceram várias perguntas sobre quanto cobrar por aulas. E minha resposta oficial e pública é: eu não sei e não vou ser irresponsável em te dar um valor, jamais!

Mas o que eu posso fazer é te ajudar a gerar clareza. Então vou te fazer umas perguntinhas e te explicar alguns conceitos. Em pleno feriado, né? Pois é, e pode ser que doa.

A primeira coisa que eu queria te perguntar é: o que você faz de diferente dos outros professores? Esse mercado é bastante concorrido e o que eu mais vejo é gente brigando por preço em vez de buscar diferenciação. E é por isso que eu não posso te dizer quanto você poderia cobrar.

Não sei se você conhece os conceitos de oceano vermelho e oceano azul. Eles foram criados por dois caras chamados Chan Kim e Renée Mauborgne. Eles são professores de estratégia do Instituto Europeu de Administração de Empresas (INSEAD) e diretores do Instituto de Estratégia de Oceano Azul do INSEAD.

Resumidamente, eles dividem o ambiente empresarial em dois: o do oceano vermelho, ou seja, o da concorrência e da competição acirrada, em que se faz tudo bem parecido e a briga por preço é inevitável.

Já o oceano azul é aquele em que se criam novos espaços, novas demandas e no qual a concorrência acaba até se tornando irrelevante tamanha diferenciação, qualidade e valor entregues.

Explicado isso, vamos a uma nova pergunta: em qual oceano você está nadando? No das commodities ou no da diferenciação?

E em qual você quer nadar? Se você veio me perguntar sobre preço, eu acredito que esteja em busca do azul.

Qual problema você resolve? Qual sonho você realiza? Me lembro de que na minha primeira reunião com um dos meus mentores, ele me perguntou: o Papo de Profes é um painkiller, um candy ou uma vitamin? E eu transformei um plano de negócio bem confuso em um grande matador de dores de professores depois disso.

E você que está lendo este texto e que já fez 1, 2, 3, 4 cursos do Papo de Profes e que está esperando pelo quinto sabe do que eu estou falando. Por que será que você se matricula no nossos cursos? O que será que só o Papo te proporcionou? É sobre tudo isso que a gente pensa muito antes de precificar.

O que será que só você, como ser único que é, poderia entregar? Quais combinações de formações e experiências de vida só você tem? De que forma isso pode estar no negócio que você quer tirar do papel? Ah, e que você AME fazer, claro!

Negócio, sim! Você precisa se tratar como negócio, ter metas, planejamento, marketing… Sim, marketing! Essa área que muita gente demoniza e afirma não fazer fazendo. Marketing é uma ferramenta que te ajuda a ganhar mais, inclusive. E pode ficar tranquila em fazê-lo, pois sem entrega de valor ele não se sustenta.

Então, meu convite é que você tire uns minutinhos para responder a todas as perguntas que eu te fiz neste post. Faça o movimento contrário, experimente parar de olhar pra fora e olhe pra dentro. Eu acredito que as respostas estão sempre na gente. Como diria o sábio “a única saída é pra dentro”.

E me desculpe se o texto te causou algum desconforto, era esse mesmo o meu objetivo.

Mas eu continuo aqui disponível para te ajudar amorosamente nos comentários, tá bom? Te desejo um ótimo exercício ;)

Written by

Cursos sobre metodologias e mentorias para você ser livre, independente e escolher os alunos que quer atender

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store